Sábado, 26 de Junho de 2010

Night on Earth (1991) Jim Jarmusch

Passando para uma nova década em que Jarmusch também teve a sua influência (sem se equiparando ao estrondo dos anos 80), achei por bem escolher um filme dessa mesma década para conhecer melhor o percurso deste realizador em estudo; a minha escolha recaiu em Night on Earth que pareceu ser bastante interessante, visto que explora o carro como um catalisador de intimidades e como uma dimensão privada gerada no momento.

Enganei-me redondamente, Night on Earth ainda consegue ser mais rebaixado por mim do que o Stranger than Paradise (e o pior ainda está para vir...).

Cinco histórias paralelas, em cinco taxis, numa noite, em cinco cidades diferentes: isto é a obra (e não estou com isto a querer desmantela-la... para já).

Jarmusch podia, acredito até que queria, levar-nos a um lugar onde nunca nenhum autor nos levou antes, o filme quase que podia tomar uma forma terapêutica, já que como eu referi o carro consegue criar uma atmosfera tão aconchegante como hostil mas sempre concentrada, dando ar de um espaço criado pelos olhares, feições e expressões dos intervenientes.  Ao invés, Jarmusch chapa-nos cinco histórias aleatórias sem força que por acaso se passam num táxi, o ambiente nunca atinge a intensidade que poderia nem ganha a cor própria que deveria ganhar. 

O "requintado" realizador ainda quer dar um ar de graça à coisa e torna o filme muito mais internacional (é falado em três línguas diferentes) uma manobra de desespero para transmitir o caracter universal que não soube transmitir com os cinco táxis e os seus passageiros.

As cinco histórias são de rir e eu não vou resistir em relatar a minha predilecta, mas jocosamente vou primeiro narrar as outras quatro "deliciosas" tramas:

. 2ªhistória - Etnias, alemão velho fofo também é um taxistas que não sabe guiar, cliché de avô fofo, história direccionado às etnias e ás dificuldades dos emigrantes (vou começar a dar mais valor ás coisas agora, prometo Jim)

. 3ªhistória - Preto taxista com passageira cega, trata-a como uma coitada e aos poucos vai se apercebendo que ela não é menos que ele; no fim é dada uma lição de moral ao preto (até chorei, Jarmusch tu tens tanta razão! seu Ghandi mas como muito mais estilo)

. 4ªhistória - Parte cómica do filme, italiano taxista admite ao seu passageiro (que era um bispo) que tivera relações com uma abóbora, uma vaca e com a sua cunhada

. 5ªhistória - Na Helsinkia um taxista compete com um dos seus passageiros para ver quem tem a vida mais deprimente (mas que raio!)

Passando (agora) para a primeira história que para além de "azeiteira" (desculpem o termo), tem duas personagens que nasceram do cliché e que se complementam uma à outra na base da antítese, e o melhor de tudo é que no fim há uma lição de moral (OH YES! Jim porque é que não foste meu professor na primária?).

Wynona Ryder (a emo do Bettlejuice) é uma maria-rapaz sem modos que leva no seu taxi uma célebre senhora do mundo do cinema, de momento esta mesma estava a trabalhar num casting para um filme que seria um grande êxito. Pronto, pronto, pronto, resumindo esta triste história: a genuinidade da taxista abre os olhos à requintada mulher que chega mesmo a convida-la para fazer parte do filme, Wynona recusa na hora dando uma grande lição de vida à sua passageira (mais boas energias a pairar no ar, BOA!).

Com um potencial tremendo este filme não é nada mais nada menos que uma autentica anedota com lições de moral pelo meio, a quarta história para além de meter piada conseguiu (sem contar com o fim) ser fiel ao que eu julgava ser o princípio de criação deste filme (esse principio foi infelizmente inventado por mim, já que o realizador esteve mais preocupado em adoptar um miúdo da Etiópia), é sem dúvida a única parte que se aproveita nestas duas horas...de moral.

publicado por Diogo às 02:40
link do post | comentar | favorito

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. Possession (1981) Andrze...

. Rosemary's Baby (1968) Ro...

. Il Gattopardo (1963) Luch...

. L'Avventura (1960) Miche...

. Du Levande (2007) Roy And...

. Onde Jaz o Teu Sorriso? (...

. La Strada (1954) Federico...

. Nostalghia (1983) Andrey ...

. Au Hasard Balthazar (1966...

. Trash Humpers (2009) Harm...

.links

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010